Projeto de enfrentamento ao crack será lançado nesta quarta-feira


Projeto de enfrentamento ao crack será lançado nesta quarta-feira
Projeto de enfrentamento ao crack será lançado nesta quart-afeira

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio do Núcleo de Saúde Mental, lança nesta quarta-feira (16), o projeto de consultórios de rua “Minha Rua, Minha Casa”, que será implementado nos próximos meses em Natal. A iniciativa faz parte das ações do município em relação ao Plano Nacional de Enfretamento ao Crack e outras Drogas, com apoio do Ministério da Saúde, e levará orientações e intervenções diárias com abordagem in loco para moradores de rua e usuários de drogas.

O evento de apresentação do projeto, dirigido a profissionais ligados à área de saúde mental da rede municipal, ocorrerá amanhã, a partir das 8h, no Auditório da SMS Natal, no Novotel Ladeira do Sol, localizado na Rua Fabrício Pedrosa, nº 915, em Areia Preta. O encontro contará com a presença de representantes de outras secretarias diretamente envolvidas na operacionalização e articulação da idéia, como Educação, Cultura, Segurança e Assistência Social.

Durante a aplicação do projeto, uma equipe, composta por terapeutas ocupacionais, psicólogos, assistentes sociais e enfermeiros, visitará, de segunda à sexta-feira, sempre das 17 às 21h, diferentes locais da cidade, para a realização de atendimentos de grupo com moradores de rua, por meio de abordagens específicas para diferentes faixas etárias e perfis sociais. Serão tratados temas como redução de danos, sexualidade e DSTs, prostituição, e expressão corporal, além de avaliações do grau de dependência e comprometimento psíquico do usuário e da elaboração de projetos terapêuticos individuais, para a inserção cultural, social e escolar.

Segundo dados do Ministério do desenvolvimento social, o município de Natal possui aproximadamente 223 moradores de rua, a maioria na faixa de 25 a 44 anos, e, deste número, pelo menos 55% já fizeram uso de drogas lícitas ou ilícitas.

“Os moradores de rua geralmente não procuram os serviços de saúde. Então, a equipe diariamente sairá da SMS, para ir aos locais analisados como que possuem maiores números de moradores de rua com uso de substâncias psicoativas, justamente em horários estratégicos. No final da tarde, momento em que o usuário passou o dia recolhendo dinheiro na rua irá em busca do consumo da droga. E o projeto buscará trabalhar de forma articulada entre várias secretarias, buscando a intersetorialidade.”, explica a coordenadora do Núcleo de Saúde mental da SMS, Cristina Leite.

Anterior:
Próximo:

Logo da Prefeitura de Natal
R. Ulisses Caldas, 81 - Cidade Alta, Natal - RN, 59025-090 - Ouvidoria Geral (84)3232-6389