Projovem Adolescente participa de colônia de férias


Projovem Adolescente participa de colônia de férias

O programa ProJovem Adolescente, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Trabalho e assistência Social (Semtas), promove colônia de férias para todos os seus beneficiados. São cerca de 2.200 jovens de 15 a 17 anos que participam desde o dia 17 de janeiro de atividades culturais e de lazer nos núcleos do programa e,
principalmente, de passeios e vivências externas. “As atividades seguem até o dia dois de março, pois logo após o carnaval iremos reiniciar os trabalhos normais do ano. As equipes técnicas dos 12 núcleos estão organizando a colônia de férias que, com frequência, une os adolescentes em atividades coletivas”, declara Meire Alves, coordenadora interina do ProJovem.

Os adolescentes já passearam por lugares como Parnamirim, Parque das Dunas, praias, e Cajueiro de Pirangi. “Realizamos também uma ida à Ceará-Mirim e foi maravilhoso. Muitos deles andaram pela primeira vez de trem e conheceram mais sobre a rica história da cidade produtora de açúcar”, afirma a coordenadora. Para se ter uma ideia de quanto a colônia de férias está sendo proveitosa, nesta terça-feira (15) , durante toda a manhã, os meninos e meninas do núcleo do ProJovem Adolescente da África irão visitar a casa onde viveu o folclorista Câmara Cascudo, no centro da cidade. No dia 22 de fevereiro participarão de um passeio pelo Parque Escola Chama-Maré, e no dia 23 irão ao Forte dos Reis Magos.

“A felicidade é tamanha com essas atividades externas que eles pedem que sejam feitas durante todo o ano e com mais frequência. A participação é grande. É uma oportunidade de obter conhecimento cultural e de meio ambiente de uma forma mais ampla e mais rica, pois muitos não têm essas possibilidades no dia-a-dia”, afirma Meire Alves. A coordenadora diz ainda que hoje ainda, os adolescentes do núcleo das Quintas terão a chance de ir ao cinema Moviecom assistir uma sessão de filme.

Mais Sobre o ProJovem Adolescente


O Programa constitui-se de um serviço socioeducativo de convívio de assistência social que objetiva complementar a proteção social básica à família, criando mecanismos para garantir a convivência familiar e comunitária e criar condições para a inserção, reinserção e permanência do jovem no sistema educacional.
Desenvolve ações de qualificação social e profissional; de desenvolvimento de habilidades e aptidões; de valorização da participação social dos jovens; de ampliação das referências e oportunidades de acesso à cultura; de promoção à saúde; de acesso às atividades esportivas; de acesso à tecnologia digital, dentre outros.
Destina-se aos jovens de 15 a 17 anos, priorizando aqueles pertencentes às famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família, egressos de medida socioeducativa de internação ou em cumprimento de outras medidas, egressos do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI), dentre outros.

Anterior:
Próximo:

Logo da Prefeitura de Natal
R. Ulisses Caldas, 81 - Cidade Alta, Natal - RN, 59025-090 - Ouvidoria Geral (84)3232-6389