Lei de Acesso
 

Faça sua busca pelo site


Notícias

natal.rn.gov.br » Notícias » Notícias

14/02/2020 11:30
  • Semurb e Guarda Municipal averiguam assoreamento do Rio Pitimbú
Felipe Matheus

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) realizou, na manhã desta sexta-feira (14), uma vistoria no Rio Pitimbú, localizado no bairro Planalto, na Zona de Proteção Ambiental 3 (ZPA-3), no limite entre Natal e Parnamirim. O objetivo foi averiguar a situação do assoreamento do rio a pedido do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN). A ação contou com o apoio do Grupamento de Ações Ambientais da Guarda Municipal (GAAM).

 

O MPRN vai realizar futuramente uma vistoria na região do Rio Pitimbú e precisa de subsídios de como se encontra o assoreamento. Por isso, a fiscalização do Município a partir da vistoria fará um mapeamento esclarecendo como está a situação. De acordo com o supervisor de Fiscalização da Semurb, Gustavo Szilagyi, a situação do assoreamento se agravou porque a rua São Bráulio, no Planalto não é pavimentada.“E acaba que os moradores têm utilizado o direito de ir e vir, do acesso de suas residências, depositando materiais como: pedras e entulhos, ao longo da rua, especificamente nos buracos, na tentativa de reduzi-los. Porém, quando chove na cidade esse material é carreado para o rio”, diz.

 

O assoreamento é o acúmulo de sedimentos (areia, terra, rochas), lixo e outros materiais levados até o leito dos cursos d'água pela ação da chuva, do vento ou do ser humano. Trata-se de um processo natural que pode ser intensificado pela sociedade. “Foi percebido que o assoreamento se agravou. E agora com a grande quantidade de lixo, como: pneu, peças de carros, resíduos sólidos de construção civil tem colaborado mais ainda para o agravamento da situação”, acrescenta Szilagyi.

 

Outro problema notado foi que quanto mais raso fica o rio ou mais assoreado, os danos são refletidos nas linhas férreas no entorno do rio. Pois a cada chuva, a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) tem que parar os serviços, fazer uma vistoria e executar a limpeza para os trens passarem com segurança. Dessa maneira, os custos de manutenção do transporte ferroviário entre Natal e Parnamirim tendem a aumentar. 

 

Posterior  será elaborado o relatório de fiscalização, e em seguida será encaminhado um ofício às secretarias municipais responsáveis para execução de alguns serviços, como a drenagem da Rua São Bráulio, intimação dos proprietários de imóveis para determinar o cercamento de suas propriedades e oficiar a Urbana para providenciar a limpeza da área.
 


Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Twitter   Enviar por E-mail   Gerar para Arquivo/Imprimir  

SEMPLA desenvolvimento. Seguimos as seguintes recomendações de projeto: w3c_aa w3c_xhtml w3c_css