Lei de Acesso
 

Faça sua busca pelo site


Notícias

natal.rn.gov.br » Notícias » Notícias

22/02/2017 11:13
  • Prefeitura lança campanha contra o machismo para o Carnaval
Alex Régis

A Prefeitura do Natal por meio da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres (Semul) realizou na manhã desta quarta-feira (22) o lançamento da campanha #natalcontraomachismo uma ação de conscientização, respeito e de constante vigília à garantia dos direitos da mulher e o enfrentamento à violência contra a mulher. Nesta edição a ação segue até março, mês dedicado à mulher.

A campanha que foi idealizada no Carnaval do ano passado, traz nesta edição mensagens de respeito à mulher, tendo a folia como plano de fundo e, durante o carnaval, equipes da Semul vão estar nos polos do Carnaval Multicultural: Ponta Negra, Redinha, Rocas, Centro Histórico, Ribeira, Largo do Atheneu e Praça Pedro Velho (Cívica) trabalhando na divulgação. A proposta da campanha educativa é que o público possa fazer fotos e compartilhar nas redes sociais para expandir as frases de efeito contra o machismo.

De acordo com a titular da Semul, Andréa Ramalho, o objetivo da ação é conscientizar à população sobre o machismo e, ainda, promover um Carnaval para homens e mulheres brincarem de forma harmoniosa. “ A campanha é promovida em cima de uma realidade que existe e que durante o Carnaval aumenta, muitas vezes, pelo excesso de álcool e drogas, onde percebemos o comportamento extremamente agressivo, violento, inoportuno de homens contra as mulheres”, destacou.

As artes das plaquinhas da campanha já estão sendo divulgadas e nas redes sociais da Prefeitura do Natal, e o público já pode compartilhar e publicar com a hasthag #Natalcontraomachismo. “Natal está entre as três capitais do país com maior índice de violência contra a mulher e, para que esses índices sejam reduzidos, precisamos levar informação até a população. Tudo começa com a educação, com a mudança de comportamento dos homens e também das mulheres, para que entendam e identifiquem atitudes que são reflexo da cultura machista, muito frequentes no Carnaval”, alerta a secretária da Semul, Andréa Ramalho.


Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Twitter   Enviar por E-mail   Gerar para Arquivo/Imprimir  
SEMPLA desenvolvimento. Seguimos as seguintes recomendações de projeto: w3c_aa w3c_xhtml w3c_css